20 de mai de 2009

Filhos Não Vêm Com Manual

ESPETÁCULO:

Uma avó relembrando suas histórias, principalmente seu relacionamento com os filhos Juliana e Guilherme. A ação começa nos dias de hoje com um toque moderno de celular e por meio de uma caixa antiga de madeira, repleta de bilhetes e desenhos recebidos de seus filhos durante uma vida inteira, a avó-personagem revive situações engraçadas e conflitos nas várias idades que ela relembra lendo os bilhetes dos filhos.

Da dificuldade de ir ao banheiro até o envolvimento do filho adolescente com drogas, e o distanciamento entre pais e filhos principalmente na adolescência e a culpa que a mulher sente por trabalhar fora e ter que deixar os filhos com alguém ou numa escolinha, faz deste espetáculo, uma oportunidade de se ver refletido e de poder refletir sobre essas questões que se tornam cruciais para pais, psicólogos e educadores num mundo em constante transformação.
Para tentar obter as respostas às várias questões envolvidas no relacionamento de mães e filhos, a personagem cria o “0800”, um canal de comunicação que vai possibilitar a interação com a platéia.

FICHA TÉCNICA:

Autora: Mayara de Castro
Supervisão do texto: Isabel Christina Gonçalves
Direção: Suzana Lakatos
Cenografia: Daniel Ribeiro
Figurino: Suzana Lakatos
Consultora de figurino: Tati Marinho
Tratamento das Imagens: Contos Interativos
Gravação Trilha Sonora: Estúdio Du Brasil
Projeção de imagens e áudio: Ana Luisa Anker e Samantha Audi
Luz e cenotecnia: Renaldo Taunay
Relacionamento com a Imprensa: Milene Gonçalves
Administrador: Sérgio Marques
Atriz: Mayara de Castro

ESTRÉIA: 04 de junho de 2009
Teatro Buenos Ayres Rua Sergipe, 120 - Higienópolis (Farmácia Buenos Ayres)

PÚBLICO ALVO: Pais, professores, educadores e psicólogos

Um comentário:

Ava disse...

Que belezinha de blog...gostei do tema...só quem é mãe p saber disso....rs...vc pretender vir p o interior? Moro em S José dos Campos...recebi seu blog num grupo q recebo msgs do yahoo: filmes espirituais...(ainda q minha filha more pertinho dai...)
Desejo td $ucesso do mundo p vc,

Bjinhus,

Ava